::Acupuntura Chinesa (11) 4125-5486::

Tratamento mais comuns

Emagrecimento, diabétes, reumatismo,pressão alta, impotência sexual, derrame cerebral, sinusite, rinite alérgica, cólicas mentruais, cólicas intestinais, tabagismo, dores em geral, tendinite, LER ( Lesão por esforços repetitivo)

Saiba Mais

ACUPUNTURA

Acupuntura é um ramo da Medicina Tradicional Chinesa e um método de tratamento considerado no Brasil como complementar e alternativo, proporcionando reequilíbrio energético do organismo, promovendo saúde e bem estar.

Na acupuntura, o diagnóstico e a terapia têm como objetivo a identificação de qualquer desequilíbrio e a conseqüente correção pela inserção de agulhas em pontos apropriados. Segundo a tradição, existem 365 pontos básicos, embora muitos mais tenham sidos descobertos ao longo dos séculos. Nos mapas modernos estão assinalados até 2 mil pontos. Na sua maioria, os pontos importantes situam-se nos 14 meridianos.

Acupuntura consiste na aplicação de agulhas, em pontos definidos do corpo, chamados de "Pontos de Acupuntura" ou "Acupontos" para obter efeito terapêutico em diversas condições.

São inseridas finas agulhas de aço inoxidável - um procedimento em geral rápido, indolor e que não sangra - que o acupunturista roda entre o indicador e o polegar para "tonificar ou dispersar energia" de um ponto. A pessoa sentirá uma leve dormência ou formigamento em cada ponto. A inserção das agulhas faz-se de modo a que elas penetrem na pele até atingirem o ponto de acupuntura em toda a sua grandeza, o que pode variar dos 0,5 aos 10 cm dependendo dos pontos da ação desejada e da localização anatômica. Uma sessão de acupuntura tem duração de 40 minutos em média , em salas individuais , o local deve ser tranqüilo e agradável para um pleno relaxamento.A mente do paciente também deve se voltar para assuntos agradáveis e alegres, mentalizando o seu pleno restabelecimento.

O terapeuta , além de trabalhar com as agulhas , que devem ser sempre descartáveis, pode acrescentar a moxaterapia (moxabustão) ,aplicação de óleo medicinal chinês e eletroacupuntura de acordo com a necessidade de cada paciente. Os pontos e meridianos também podem ser estimulados por outros tipos de técnicas além das agulhas, dedos (acupressão),ventosa ou pelo aquecimento promovido por moxa aplicada na ponta da agulha para aquecimento do local.

A Acupuntura e a Moxa são componentes importantes da Medicina Tradicional Chinesa, e um dos maiores benefícios desta nação para a Humanidade. Durante milênios de prática clínica, acumularam-se ricas experiências, de modo que a Acupuntura e a Moxa contam, atualmente, com métodos terapêuticos e teorias relativamente completas. Trata-se de diversos sistemas de estimulação dos canais e colaterais e os pontos de Acupuntura.

Segundo a acupuntura, nosso organismo é percorrido por uma rede de canais nos quais circula uma determinada energia. Esses canais, os chamados meridianos, estão ligados a funções de órgãos e vísceras e têm a sua representação na pele "pontos de acupuntura", definidos pela característica histológica que os tornam diferentes da pele adjacente.

Existem 12 meridianos principais: meridiano do pulmão, do Intestino Grosso, do Estômago, do Baço-Pâncreas, do Coração, do Intestino Delgado, da Bexiga, do Rim, da Vesícula Biliar, do Fígado, do Pericárdio (também designado como Mestre do Coração e Meridiano da Circulação Sexualidade) e do Triplo Aquecedor (este meridiano não está, como o anterior, ligado diretamente a um órgão ou víscera, mas representa uma tripla função - função respiratória, digestiva e endócrina). A energia circula nesses meridianos, ao longo das 24 horas, obedecendo a um ritmo circadiano e biológico preciso.

Além desses 12 meridianos principais, como são designados, existem outros meridianos secundários, que fazem a conexão entre os meridianos principais e também estabelecem o equilíbrio entre as energias Yin e Yang. Pela sua importância, destacam-se dois desses meridianos - Ren Mai que rege toda a energia Yin do organismo e que circula na região anterior do corpo, na sua linha mediana, estendendo-se do púbis à região mentoniana (queixo); e o Du Mai, que rege a energia Yang e circula na região posterior, também na lin ha mediana, como que fechando o circuito.

Atualmente, a Acupuntura e a Moxa estão sendo difundidas no mundo inteiro.

MOXA

A Moxa constitui uma parte importante da Ciência da Acupuntura e é um método externo, cuja técnica consiste em utilizar geralmente ervas medicinais para queimar, defumar e cobrir o ponto ou a área afetada, diretamente ou indiretamente. A queima da moxa produz estímulos de calor que regula o equilíbrio das funções fisiológicas do corpo agindo sobre os Canais de Energia e os colaterais. A artemísia (Artemisia vulgaris) é a matéria prima da moxa , cujas suas folhas tem utilidade medicinal. Segundo a Medicina Tradicional Chinesa ela atua eliminando o Vento e a Umidade, aquecendo os Canais de Energia e provocando hemostasia. A Moxa tem o efeito de aquecer os Canais de Energia, de dispersar o Frio, regular a circulação de Sangue e da Energia, de recuperar o Yang, assim como de eliminar edemas e de desintoxicar, etc. Estes efeitos são obtidos pelo calor da moxa que estimula os pontos e os Canais de Energia utilizados na Acupuntura.

YIN–YANG

A Medicina Tradicional Chinesa considera o corpo o produto do equilíbrio entre duas forças - ou energias - naturais opostas, mas complementares: a força feminina, Yin, e a força masculina, Yang. A força Yin é passiva, tranqüila e representa a escuridão, o frio a umidade e a contração. A força Yang é agressiva, estimulante e representa a luz, o calor, a secura e a expansão.

O desequilíbrio entre Yin e Yang causará doenças e dores. Por exemplo, Yang em excesso pode provocar dor súbita, inflamação, espasmos, dores de cabeça e pressão arterial elevada; o excesso de Yin pode causar dores difusas, arrepios de frio, retenção de líquidos e cansaço.

As agulhas inseridas na pele aumentam ou diminuem o fluxo de energia (chamada Qi, Ch'i ou Shi) através dos meridianos. As perturbações físicas, emocionais e ambientais alteram o fluxo de Qi, tornando-o mais rápido ou mais lento, podendo mesmo interrompê-lo ou desviá-lo para o órgão errado. O acupunturista age no sentido de equilibrar o fluxo, fazendo-o retornar a velocidade natural.

O conceito Yin -Yang sintetiza as duas partes contraditórias e complementares dos fenômenos de natureza e que se relacionam mutuamente.Pode representar tanto os dois fatores opostos, assim como duas partes que compõem de um aspecto.

As propriedades básicas de Yin -Yang são: todas as coisas com tendência a fluir para cima, para fora, o aspecto da claridade, mobilidade, excitação, vitalidade, calor, insubstancialidade, atividades funcionais, rápidas e claras pertencem a Yang, ao contrário, todas as coisas com tendência para fluir para baixo, para dentro, obscuridade, tranquilidade, inibição, astenia, esfriamento, coisa substancial e pesada pertencem a Yin.

A natureza de Yin ou de Yang não é absoluta, mas relativa, já que a existência é determinada pelas condições interiores.

No corpo humano, o interior é Yin e a superfície é Yang ; mas os órgãos internos podem dividir-se em Yin e Yang ou seja, os cinco Órgãos (Coração, Fígado, Baço / Pâncreas, Pulmão, Rins) são Yin e as seis víceras (Intestino Delgado,Vesícula Biliar, Estômago, Intestino Grosso, Bexiga e Triplo aquecedor) são Yang, e cada um dos Órgãos divide-se em Yin e Yang, assim nos Rins, há o Yin dos Rins e o Yang dos Rins, etc. Este fenômeno que de dentro de Yin ou de Yang existem Yin e Yang demonstramais uma vez que a natureza de uma coisa é relativa e não absoluta. Em todas as coisas que existem no Universo, de maneira oposta, podem ser classificadas, segundo as suas propriedades em dois tipos: Yin e Yang . O Sol e a Terra; o Dia ea Noite, o superior e o inferior, o exterior e o interior, o movimento e a quietude, o subir e o abaixar, o fogo e a água, o calor e o frio, as Víceras e os Órgãos, Qi (Energia) e Xue (Sangue), etc., são partes opostas de um aspecto ou seja, a contradição entre Yin e Yang.

A relação de dependência entre Ying e Yang significa que cada uma das duas partes opostas existe na dependência da outra e que esta é a condição para a existência do outro aspecto e nenhuma das duas partes pode existir isoladamente. Sem Yin não há Yang e vice-versa; sem superioridade não existe inferioridade; sem o exterior não existe o interior. Se somente há Yang e não há Yin, ou somente há yin e não há Yang, eles perdem a condição de sua existência, de modo que “não se produz um Yin isolado”, quando se separam Yin e Yang, termina a vida.

O tratamento de Acupuntura existe para reequilibrar o Yin e o Yang , promovendo saúde e prolongando a vida.

ELETROACUPUNTURA

A Eletroacupuntura desenvolveu-se tendo como base a Acupuntura, e é usado como método terapêutico pelo efeito geral que é produzido ao estimular, com a corrente elétrica, os pontos dos Canais de Energia. A corrente elétrica que passa ao corpo no caso através da agulha, além de provocar a indução ao penetrar os pontos, produz também os estímulos elétricos que substituem as manipulações manuais, tratando inúmeras doenças.Os aparelhos mais utilizados são os transistores de fácil manejo, de uso duradouro e produz um ótimo resultado analgésico, envia impulsos elétricos arrítmicos e mudam a frequência e o rítmo com o decorrer do tempo.

ACUPUNTURA AURICULAR

A Acupuntura Auricular consiste em perfurar com agulhas os pontos auriculares ou estimulá-los com outros métodos.A técnica da Acupuntura auricular é de manejo simples e o efeito terapêutico é obtido com rapidez, previnindo e tratando as doenças. O uso dos pontos auriculares como método terapêutico data de tempos remotos da história da China, está registrado no Huang di Neijing, primeiro livro clássico da Medicina da China. Em outras publicações clássicas, em épocas posteriores, aparecem também registros sobre métodos de prevenção de doenças através de estímulos no pavilhão auricular e de diagnóstico mediante a observação deste. Usa-se a Acupuntura Auricular na anestesia por Acupuntura, no diagnóstico das doenças, assim como na prevenção e tratamento das mesmas.

Terapias Tradicionais Chinesas

Terapias Tradicionais Chinesas Acupuntura, Moxabustão e Auriculoterapia para promover o equilíbrio energético do seu organismo de forma natural, combatendo distúrbios de saúde comuns nos dias de hoje... continua

Saiba Mais